Fortalecer os Músculos e Ossos sem Exercício Físico – Cadmus XT3!

A prática de atividades físicas é essencial para a saúde, pois afeta diversos sistemas: muscular, ósseo, cardíaco, vascular, e diversos outros. Além disso, é uma excelente forma de melhorar a saúde mental e pode ser aproveitada como lazer.

Mas, pela falta de tempo e diversos outros fatores, muitas pessoas deixam de lado o exercício físico, ou o fazem poucas vezes na semana. Ainda, existem os que preferem substituir atividades por alimentação saudável, mas nem sempre conseguem desempenhar esta tarefa com sucesso.

Para amenizar os danos do sedentarismo, existe uma solução muito simples e que poderá te ajudar em muito. Conheça a seguir!

 

Entendendo a composição de músculos e ossos

Sabemos que nosso corpo depende de diversos compostos para se manter íntegro e desempenhar as funções normais. E dentre estes “substratos” essenciais, estão os minerais, principalmente cálcio e magnésio.

Os ossos precisam manter uma composição rígida, para serem capazes de suportar o peso do nosso corpo. E em um processo chamado de ossificação, são requeridos os minerais em questão – há uma primeira ossificação, que sofre diversos processos de renovação ao longo da vida, sendo uma necessidade constante.

Enquanto isso, os músculos dependem de minerais para realizar a contração muscular: isto é, um determinado movimento exige contração e relaxamento, a partir de impulsos elétricos e diversos outros fatores que determinam a amplitude do movimento.

Existem diversos suplementos no mercado que prometem a reposição completa destas substâncias (tanto ósseas quanto musculares), mas, que na verdade não são efetivas.

Depois de muitos estudos e pesquisas, descobriu-se que a dolomita pode ser uma excelente aliada no fortalecimento ósseo e muscular, por conter magnésio e cálcio em sua composição. Isto, em níveis adequados, proporciona o fortalecimento ósseo e melhor desempenho muscular, amenizando os danos do sedentarismo.

 

Onde encontrar a dolomita?

Sendo um composto retirado de rochas, a dolomita pode ser encontrada de duas formas:

  • Dolomita em pó: extraída e comercializada, geralmente necessita de uma mistura com água para ser aplicada sobre a pele.
  • Dolomita em cápsulas: é uma forma prática para quem deseja suplementar minerais, e está disponível na composição de Cadmus XT3, um produto totalmente natural que irá te auxiliar!

Para saber mais sobre estes produtos e como comprá-los, acesse AQUI.

 

Para quem a dolomita é indicada?

Além de sedentários que desejam amenizar a ausência de atividade física, existem diversas outras indicações para o uso do composto:

  • Doenças ósseas: a osteoporose, por exemplo, ocorre pela deficiência de cálcio. Sendo assim, o Cadmus poderá auxiliar em diversas comorbidades que afetam os ossos.
  • Doenças musculares: da mesma forma que nas ósseas, o suplemento restaura os níveis de minerais, auxiliando no processo de contração e relaxamento ósseo.
  • Saúde do coração e vasos sanguíneos: a dolomita pode ser excelente quando se deseja prevenir e/ou amenizar doenças cardiovasculares. O mecanismo é o mesmo dos músculos, visto que todas estes estruturas são compostas de tecido muscular.
  • Melhora da transmissão nervosa: nosso organismo depende constantemente da passagem de impulsos nervosos (ou sinais elétricos), que enviam “comandos” para as mais diversas partes do corpo.
  • Qualidade do sono: existem diversos relatos do Cadmus atuando na melhora do sono e combate a insônia, por diversos mecanismos.

Quem não pode utilizar a dolomita?

Vale lembrar que qualquer suplementação depende de acompanhamento e diagnóstico médico ou nutricional, visto que o excesso de minerais no organismo pode acarretar em diversos prejuízos.

Além disso, vale ressaltar que alguns indivíduos devem evitar o uso da dolomita:

  • Crianças: como estão em fase de crescimento e possuem demandas diferentes do adulto, a suplementação deve ser feita somente quando necessário, após recomendação médica.
  • Gestantes: pela possibilidade de passar os minerais pela placenta, deve-se evitar a suplementação.
  • Alérgicos aos compostos: pessoas que possuem alergia a um ou mais dos compostos do Cadmus, não podem utilizá-lo.
  • Doenças crônicas: algumas insuficiências e outras doenças não permitem a suplementação, e devem ser sempre discutidas com o médico responsável.

 

Como efetuar a compra?

A compra do Cadmus XT3, produto que tem como composição chave a dolomita, pode ser feita através do seguinte link: cadmusxt3

Existem diversas formas de pagamento disponíveis, bem como opções de compra. Algumas promoções estão disponíveis até que os estoques acabam, portanto, corra e aproveite!

 

Depois de efetuado seu pagamento, é só aguardar as cápsulas chegarem em sua casa. Lembrando que o frete é grátis, e alguns dos combos são acompanhados de um ebook gratuito.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.